sábado, 15 de novembro de 2014

Diretamente do conto de fadas: Pomerode

Via: vemprapomerode.com.br


Se tem uma coisa que eu admiro na cultura alemã é o cuidado com as casas. O povo alemão parece extremamente comprometido com a beleza e o capricho do lugar onde vivem, lição que deveria ser aprendida por todos nós. Um dos lugares que visitei durante minha viagem, fez meu queixo cair com tanta beleza e organização. Estou falando de Pomerode, uma cidadezinha com cerca de 30 mil habitantes, no estado de Santa Catarina e que parece saída de um conto de fadas. Não é à toa que Pomerode ostenta o título de cidade mais alemã do Brasil, em certos momentos você chega a acreditar que nem está dentro do próprio país!


Eu e meus sogros no pórtico de entrada

O estilo alemão está em todas as partes, fico imaginando que deve ser uma delícia viver em uma cidade digna de cartão postal. Outra coisa que me deixou admirada, foi a tranquilidade do lugar. Chegamos na cidade em um domingo à tarde, por volta das 18 horas. Às 20 horas, quando saímos para jantar, nos deparamos com ruas desertas e foi bem difícil achar um restaurante aberto. E quando eu falo desertas, não estou usando força de expressão, se cruzamos com umas duas pessoas na rua foi muito! Para quem estava vindo da agitação da Oktoberfest, foi impactante!




E para completar essa experiência deliciosa, ficamos hospedados em uma pousada super charmosa e aconchegante, bem ao estilo da cidade, a Pousada Max. Meus olhinhos brilharam com os detalhes da decoração country do lugar.


Pousada Max

Pomerode deixou saudades. Ficou o desejo de voltar quem sabe para a festa mais famosa da cidade, a Festa Pomerana, que é realizada na segunda quinzena de janeiro. Mas a beleza maior desse lugar é a troca cultural entre brasileiros e alemães, lembrando que a união entre os povos é possível e enriquecedora. Vida longa à cerveja alemã! ;)

Comente com o Facebook: